notícias

Confira calendário de retirada do cartão Comida Boa em Teixeira Soares

Pessoas inscritas no Cadastro Único poderão retirar o voucher a partir desta terça-feira, 12, nas sedes do CREAS e CRAS

Da Redação


Entrega dos cartões Comida Boa começam nesta terça-feira, 12, em Teixeira Soares. Foto: Divulgação
Os moradores de Teixeira Soares que fazem parte do Cadastro Único (CadÚnico) podem retirar o cartão Comida Boa a partir desta terça-feira, 12. Os contemplados com o benefício devem comparecer aos locais de retirada do voucher com o RG e CPF.

A entrega aos moradores da área urbana inscritos no CadÚnico será dividida por bairros começando pelo Blumenau amanhã, 12. Na quarta-feira, 13, será a vez dos moradores da Vila Nova. Na quinta, 14, serão atendidos os residentes na Cohapar. A programação será finalizada na sexta-feira, 15, com os moradores do centro. A retirada será no Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) das 9 às 11 h e das 13 às 16 h.

Para as pessoas que residem no interior do município, o cartão será disponibilizado na unidade do Centro de Referência Especializado em Assistência Social (CREAS) entre os dias 12 e 15 de maio, também no horário das 9 às 11 h e das 13 às 16 h.


Em Teixeira Soares, 1.571 famílias estão inscritas no CadÚnico. No total, 1.885 pessoas serão beneficiadas com o Cartão Comida Boa no município. O recurso repassado pelo governo estadual aos cofres municipais será de R$ 94.250.

Como funciona o programa?

O cartão Comida Boa foi implantado pelo Governo do Estado como uma das medidas para auxiliar as famílias em vulnerabilidade social e com dificuldades de renda em virtude da pandemia do coronavírus (Covid-19). O auxílio mensal de R$ 50 será repassado para as famílias comprarem alimentos no período de três meses. Ao retirar o cartão, o beneficiário deve cadastrar uma senha, que será usada ao realizar a compra dos alimentos, nos 1.158 estabelecimentos cadastrados no Estado.

Os cartões serão entregues pelos municípios, com apoio da Defesa Civil, Secretaria de Justiça, Família e Trabalho (SEJUF) e secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento (SEAB).

Para realizar o credenciamento, os responsáveis pelos estabelecimentos devem se cadastrar no site da SEAB. Depois de finalizado esse processo, eles já poderão atender as pessoas beneficiadas pelo programa no prazo de até 24 horas.

Para ter direito ao cartão é preciso ser maior de 18 anos, com exceção de mães adolescentes, ter renda familiar mensal per capita não superior a meio salário mínimo ou renda familiar total que não passe de três salários mínimos. Não estão incluídos no cálculo da renda familiar os rendimentos do Programa Bolsa Família.

Os beneficiários inscritos no CadÚnico precisam apenas apresentar documento com foto e CPF no local indicado pelo município para a retirada do cartão. Os demais poderão solicitar o cartão mediante assinatura de autodeclaração de que estão enquadrados nos requisitos do programa.

Recursos disponibilizados aos municípios

O Núcleo Regional de Irati da SEAB recebeu R$ 986.500 para operacionalização do programa. O valor foi dividido entre os municípios de Fernandes Pinheiro, Guamiranga, Imbituva, Inácio Martins, Irati, Mallet, Rebouças, Rio Azul e Teixeira Soares. Com a maior população da região e o maior número de beneficiados pelo auxílio, Irati recebeu R$ 307.700, que será repassado para 6.154 famílias. Para Imbituva, o recurso disponibilizado foi de R$ 188.950 para atender 3.779 famílias. A cidade de Rebouças foi contemplada com R$ 134.200, beneficiando 2.684 famílias. Inácio Martins recebeu R$ 105 mil. Esse valor será utilizado para atender 2.100 famílias. O recurso repassado para Rio Azul foi de R$ 71.300 para atender 1.426 famílias. Mallet atenderá 1.361 famílias e com a quantia de R$ 68.050. Em Fernandes Pinheiro serão atendidas 1.276 famílias com o recurso de R$ 63.800. Guamiranga tem o menor número de beneficiados (950). O total de recursos repassados ao município foi de R$ 47.500.