notícias

Teixeira Soares prorroga prazo de vencimento do IPTU para julho

Tributo pode ser pago em cota única ou parcelado em seis vezes. Prazo de vencimento passou de 13 de abril para 10 de julho

Rodrigo Zub

Carnê do IPTU de Teixeira Soares. Foto: Divulgação

Em decreto publicado na segunda-feira, 13, o prefeito de Teixeira Soares, Lula Thomaz, prorrogou o prazo para pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e taxas referentes ao ano de 2020.

O vencimento da primeira parcela ou da cota única do IPTU que seria no dia 13 de abril passou para 10 de julho. Quem optar pelo pagamento à vista terá 20 % de desconto no valor do tributo. Já o contribuinte que preferir pode pagar parcelado em seis vezes. O vencimento será sempre no dia 10. A segunda parcela vence em 10 de agosto, a terceira em 10 de setembro, a quarta em 10 de outubro, a quinta em 10 de novembro e a última em 10 de dezembro.

O decreto poderá ser alterado ou prorrogado caso persista a situação emergencial em virtude do coronavírus. A administração municipal diz no decreto que a medida foi tomada levando em conta a perda da capacidade econômica-financeira da população em função da Covid-19. Isso ocorreu porque muitas empresas tiveram que interromper atividades em razão das medidas de isolamento social.

O pagamento do IPTU pode ser realizado nas agências do Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Sicredi e Bradesco e na casa lotérica. 

O IPTU, como os demais impostos, serve para custear a máquina pública com salários de funcionários, obras e manutenção de programas, por exemplo.

Decreto que estabeleceu mudanças de datas de vencimento do IPTU. Foto: Divulgação