notícias

Santa Casa terá oito leitos de UTI e 16 de retaguarda para enfrentamento ao Covid-19

Até então, as referências para pacientes da região seriam os hospitais de Ponta Grossa e de Campo Largo. Anúncio foi realizado pelo secretário de Infraestrutura, Sandro Alex, em suas redes sociais

Da Redação


Secretário de Infraestrutura, Sandro Alex (à esquerda) ao lado do Governador Ratinho Junior (centro) e do prefeito de Ponta Grossa, Marcelo Rangel, que é irmão de Sandro. Foto: Divulgação
Em publicação em suas redes sociais na noite desta quarta-feira (8), o secretário de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, confirmou que o Estado ampliou a disponibilidade de leitos hospitalares para o enfrentamento ao Covid-19. Em toda a região dos Campos Gerais, são 62 leitos em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e 163 leitos clínicos.

Os investimentos para combate ao coronavírus foram discutidos durante reunião realizada ontem, 8, no Palácio Iguaçu, em Curitiba, que teve a participação do governador Ratinho Junior, do prefeito de Ponta Grossa, Marcelo Rangel e do secretário Sandro Alex.

No município de Irati e para as cidades da 4ª Regional de Saúde, foram anunciados oito leitos de UTI e mais 16 leitos para retaguarda na Santa Casa. A assessoria de imprensa do hospital relatou a nossa reportagem que até a manhã desta quinta-feira, 9, a Secretaria de Estado da Saúde (SESA) ainda não havia oficializado a liberação de recursos.

Ponta Grossa, sede da 3ª Regional de Saúde, concentra a maior parte dos leitos de UTI que serão disponibilizados, conforme Sandro Alex. Dos 30 leitos, 20 são novos, além dos dez já anunciados anteriormente, no Hospital Universitário Regional Wallace Thadeu de Mello e Silva (Hospital Regional), em Uvaranas e mais dez na retaguarda, no Hospital Bom Jesus, no bairro Nova Rússia. O Bom Jesus terá, ainda, 35 leitos de enfermaria pré-contratualizadas, que vão ficar à disposição, caso haja necessidade.

Quer receber notícias locais? 

Maternidade e UTIs Neonatal serão deslocadas para o Hospital da Criança João Vargas de Oliveira, na Vila Estrela. O objetivo é liberar o espaço para que o Hospital Regional receba as novas UTIs para o combate ao Covid-19. Em Ponta Grossa, já foram confirmados cinco casos de Covid-19 e quatro pacientes já se recuperaram.

Para Telêmaco Borba (21ª Regional), serão dez novas UTIs e 40 enfermarias no Hospital Regional, dentro de 30 dias. Para o Hospital Doutor Feitosa, serão mais quatro leitos de UTI e oito leitos na retaguarda. Sandro Alex destaca que, enquanto deputado federal, havia destinado emenda parlamentar de R$ 1 milhão para a compra de mais dez leitos de UTI para o Hospital Doutor Feitosa, que já estão chegando. Em Telêmaco, já foram confirmados seis casos de Covid-19. Outros nove casos seguem em investigação e um em Imbaú.

No município de Castro, que faz parte da 3ª Regional, foram anunciadas cinco UTIs e 30 enfermarias para retaguarda da região no Hospital da Cruz Vermelha. Em Castro, foram confirmados dois casos de Covid-19.