notícias

4ª Regional passa a ser única no Paraná sem confirmação de Covid-19

Com a confirmação de um caso em Ivaiporã e de outro em São João do Ivaí, a 4ª Regional passou a ser a única das 22 Regionais de Saúde sem registro de coronavírus

Da Redação


Foto: Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Irati/Divulgação

Após a confirmação de um caso positivo para Covid-19 em Ivaiporã e outro em São João do Ivaí, ambos na 22ª Regional de Saúde (Ivaiporã), a 4ª Regional de Saúde de Irati passou a ser a única, entre as 22, a não ter nenhum caso confirmado de coronavírus. Os dados são referentes ao Boletim Epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SESA) nesta quarta-feira (8), que registra 550 casos confirmados no Paraná. O mesmo boletim aponta que há dois casos em investigação em Rio Azul e um em Rebouças. Todos os demais casos suspeitos já foram descartados.

Os casos de Ivaiporã e de São João do Ivaí integram a lista de 39 novos casos confirmados: Cascavel (1) Curitiba (12), Toledo (1), Londrina (5), Cambé (1), Arapongas (1), Araruna (1), Rio Negro (1), Mandirituba (1), Quatro Barras (1), Rio Branco do Sul (1), Campo Largo (1), Piraquara (1), Fazenda Rio Grande (2), Ivaiporã (1), São João do Ivaí (1), Paranaguá (1), Bandeirantes (1), Maringá (2); além de três casos atendidos no Paraná, de moradores de outros estados: um de Mafra (na divisa PR/SC); um de Campinas (SP) e um de Barra do Turvo (na divisa PR/SP).

Mais dois casos de óbito foram registrados: um homem de 63 anos, de Paranaguá (1ª Regional), que estava internado desde a terça-feira passada (31), no Hospital Regional do Litoral, que tinha comorbidades e teve confirmação para Covid-19 no sábado (4) e um homem de 56 anos, de Campo Mourão (11ª Regional), que estava internado desde a última quinta (2) e teve confirmação para a doença no domingo (5). Ambos morreram nesta quarta-feira (8). Campo Mourão, cidade da última vítima, é a que mais registrou mortes por Covid-19 no Paraná até agora: quatro óbitos.

No Paraná, já foram confirmados 550 casos e, dentre estes, 17 óbitos; 5.503 casos descartados; 333 em investigação. Dos casos confirmados, 11 são de fora do Estado do Paraná. Hoje, 100 pacientes estão internados, sendo 59 em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e 41 em leitos clínicos. Cerca de 25% dos pacientes confirmados já foram liberados do tratamento: 106, segundo o Boletim da SESA, sem considerar dados relativos ao município de Curitiba. O número apontado na terça-feira (7) pelo Boletim da SESA, era de 121 recuperados.

Quer receber notícias locais? 

Irati

O Boletim do Departamento de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde de Irati desta quarta-feira (8) indica que há quatro casos suspeitos de Covid-19 em investigação, ou seja, casos em que foram realizados testes, mas que aguardam resultado.

Dos 93 casos já notificados, 60 foram descartados por critério clínico-epidemiológico. Os outros 33 casos realizaram teste laboratorial e 29 já foram descartados por critério laboratorial. A cidade permanece sem nenhum caso confirmado e sem óbitos.

Casos por região

A 4ª Regional de Saúde, com sede em Irati, é a única entre as 22 Regionais de Saúde no Estado do Paraná sem confirmação para Covid-19. A 1ª RS (Paranaguá) concentra oito confirmações e um óbito; a 2ª RS (Curitiba e Região Metropolitana), 263 casos e três óbitos; a 3ª RS (Ponta Grossa), nove casos; a 5ª RS (Guarapuava), dois casos; a 6ª RS (União da Vitória), dois casos; a 7ª RS (Pato Branco), oito casos; a 8ª RS (Francisco Beltrão), dois casos; a 9ª RS (Foz do Iguaçu), 30 casos; a 10ª Regional (Cascavel), 45 casos e uma morte; a 11ª RS (Campo Mourão), 23 casos e quatro mortes; a 12ª RS (Umuarama), dois casos.

Na 13ª Regional (Cianorte), 14 casos e uma morte; na 14ª RS (Paranavaí), quatro casos; na 15ª RS (Maringá), 29 casos e três óbitos; na 16ª Regional (Apucarana), nove casos; na 17ª RS (Londrina), 65 casos e três mortes; na 18ª Regional (Cornélio Procópio), cinco casos; na 19ª RS (Jacarezinho), três casos e um óbito; na 20ª Regional (Toledo), oito casos; na 21ª Regional (Telêmaco Borba), seis casos e na 22ª RS (Ivaiporã), dois casos.

Brasil

O município de Natal (RN) registrou a morte mais jovem causada por Covid-19: um bebê recém-nascido de cinco dias, que faleceu na terça-feira (7). Era uma criança que teve parto prematuro, com 30 semanas de gestação. Foi o segundo bebê a morrer de Covid-19 no Brasil, pois, além dele, uma menina de três meses morreu no Ceará.

O bebê recém-nascido, de cinco dias, nasceu prematuro, de 30 semanas de gestação, estava numa UTI neonatal e apresentava insuficiência respiratória. A Secretaria de Saúde Pública (SESAP) potiguar não soube explicar se a criança já tinha o problema ou se era condição da doença. Ao dar entrada na maternidade, no dia 2 de abril, a mãe dessa criança apresentava quadro de hipertensão, diabetes, obesidade e síndrome respiratória a esclarecer. Ela está em isolamento domiciliar.

O Brasil chegou às 800 mortes nesta quarta (8), de acordo com o Ministério da Saúde. O índice de mortalidade no Brasil é de 5%. Nas regiões Sul e Centro-Oeste, que registram os mais baixos índices de mortalidade, é de 2,6%. Mais da metade das mortes foi registrada em São Paulo (428). No Rio de Janeiro, são 106. O Acre registrou os dois primeiros óbitos e o estado do Tocantins passou a ser o único estado sem óbitos por Covid-19.

Por região, a maior parte das mortes se concentra no Sudeste (554); no Nordeste, são 141 óbitos; no Norte, 42; no Sul, 41 e, no Centro-Oeste, 22.

Quanto aos casos confirmados de Covid-19, já são 15.927 em todo o Brasil: no Sudeste, são 9.487 (59,6%); no Nordeste, 2.825 (17,7%); no Sul, 1.551 (9,7%); no Norte, 1.222 (7,7%) e, no Centro-Oeste, 842 (5,3%).