notícias

Morador de Rebouças atira tijolo na casa da ex-mulher

Tijolo quebrou vidros da residência. Autor dos danos fugiu e não foi encontrado

Da Redação

Foto: Divulgação
Um homem atirou um tijolo na casa da ex-mulher em Rebouças. A vítima relatou que está separada do autor do dano, que foi até sua casa ontem, 12. Na ocasião, ele arremessou o objeto que atingiu e quebrou os vidros da residência.

Após o fato, o homem deixou o local. Policiais militares realizaram buscas, mas não conseguiram encontrá-lo.

Furtos em Rebouças

Ainda em Rebouças, a PM registrou dois furtos. Na rua Adolfo Pereira Andrade, uma mulher afirmou que se ausentou do imóvel com os familiares na tarde de domingo, 12. Ao retornar no local, ela encontrou a janela do quarto do seu filho arrombada. Uma TV de 32 polegadas foi furtada.

Já na rua Bonifácio Domingues, uma mulher disse que a casa da sua mãe, que faleceu há aproximadamente um mês, foi invadida por ladrões. Desde então, a residência permaneceu fechada e sem moradores. Na tarde de ontem, 12, a mulher esteve no local e constatou que algumas telhas estavam fora do lugar. Ao entrar no imóvel, ela encontrou a casa revirada e com parte do forro danificado. Além disso, a tampa do alçapão havia sido removida. Uma TV de 50 polegadas, um rádio AM/FM modelo antigo e seis litros de bebidas alcoólicas foram furtados. 

Nas duas ocorrências de furto, policiais foram acionados e realizaram buscas, mas não encontraram os autores dos delitos.


Homem agride irmão em Rio Azul

Em Rio Azul, um homem sofreu ferimentos nas costas após ser agredido pelo próprio irmão. Policiais foram até o local. Porém, o agressor já havia deixado a residência.

Cavalos soltos

Em Fernandes Pinheiro, três cavalos foram localizados soltos nas margens da PR-438, na manhã de ontem, 12. A PM entrou em contato com um morador, que se responsabilizou de retirar os animais do local e encontrar os donos. Já na noite de ontem, 12, policiais receberam uma denúncia de som alto na rua Otávio Kuller. Entretanto, a equipe esteve na residência indicada e constatou que a denúncia não procedia.