Publicidade Topo

notícias

Irati investiga quatro casos suspeitos de Covid-19

Quatro pessoas estão aguardando resultado do exame do Lacen. Município ainda não tem casos confirmados do novo coronavírus

Rodrigo Zub

Dados do último boletim epidemiológico divulgado pela secretaria de Saúde de Irati. Foto: Divulgação
O número de casos investigados de coronavírus (Covid-19) em Irati subiu de dois para quatro, segundo o boletim do Departamento de Vigilância Epidemiológica divulgado na tarde desta terça-feira, 28. O município continua sem casos confirmados da doença.

Já foram notificados 142 casos suspeitos desde o primeiro registro no dia 16 de março. Oitenta e três casos foram descartados por critério Clínico-Epidemiológico. Cinquenta e nove iratienses coletaram amostras de sangue, que foram encaminhadas ao Laboratório Central do Estado do Paraná (Lacen). Cinquenta e cinco testes tiveram resultado negativo. Quatro moradores aguardam resultado do exame.

Em Teixeira Soares, o último boletim divulgado na segunda-feira, 27, às 17h40, mostra que 18 munícipes estão sendo monitorados. Quatro pessoas tiveram a contaminação descartada após realizarem testes laboratoriais. Quarenta moradores chegaram a ser investigados, mas foram liberados por não apresentarem sintomas de coronavírus. O município não tem nenhum caso de Covid-19.

Os outros sete municípios que pertencem a 4ª Regional (Mallet, Rio Azul, Rebouças, Inácio Martins, Imbituva, Fernandes Pinheiro e Guamiranga) também prosseguem sem pessoas infectadas. Sendo assim, a 4ª Regional é a única no Estado sem confirmações da doença, conforme boletim da Secretaria de Estado da Saúde (SESA).

Boletim de coronavírus da secretaria de Saúde de Teixeira Soares. Foto: Divulgação

Novo critério de confirmação da doença


A partir de hoje, 28, o Paraná passou a utilizar um novo critério para confirmação da doença no Estado. Serão contabilizados casos que a pessoa teve contato próximo ou domiciliar com paciente infectado laboratorialmente para Covid-19 nos últimos sete dias, antes do aparecimento dos sintomas. A medida amplia a forma de diagnostico. Até agora a doença era confirmada apenas por exame laboratorial e testes rápidos.

Os diagnósticos eram realizados apenas por meio de exames laboratoriais, pelo método RT-PCR, e por testes rápidos enviados pelo Ministério da Saúde.

O método RT-PCR analisa se o organismo do paciente está com o vírus e por isso é realizado nos primeiros dias de sintomas. Nos testes rápidos, a verificação é para saber se a pessoa já teve a doença e o organismo produziu anticorpos.

Esses testes rápidos utilizam amostras de sangue. A execução e a leitura da presença de anticorpos devem ser realizadas por profissionais da saúde. O resultado é verificado após 15 minutos. As informações são da Agência Estadual de Notícias.



Paraná registra 85 novos casos de coronavírus

O número de pessoas infectadas saltou de 1.186 para 1.271, ou seja, 85 casos a mais do que no boletim anterior. As notificações ocorreram em Amaporã (4), Assis Chateaubriand (3), Campo Mourão (3), Cascavel (4), Céu Azul (1), Cianorte (4), Cruzeiro do Sul (2), Curitiba (12), Francisco Beltrão (2), Guarapuava (3), Londrina (5), Marilena (5), Maringá (2), Nova Fátima (1), Paranavaí (6), Pinhais (1), Piraquara (1), Planaltina do Paraná (2), Prado Ferreira (1), Querência do Norte (5), Ribeirão do Pinhal (1), Santa Cruz de Monte Castelo (2), Santo Antônio do Caiuá (6), São João do Caiuá (2), Sarandi (1), Tamboara (2), Terra Rica (3) e União da Vitória (1). De acordo com a SESA, seis casos foram confirmados a partir do novo critério estabelecido. O total de municípios com pelo menos um caso subiu para 123.

O número de pessoas que não residem no Paraná, mas foram diagnosticados com a doença no Estado continua em 15, sendo cinco de São Paulo, um de Brasília/DF, um de Niterói/RJ, um de Campinas/SP, um de Mafra/SC, um de Barra do Turvo/SP, um de Farroupilha/RS, um de Piedade/SP, um de Belém/PA, um de Registro/SP e um de Natal/RN. Os dois últimos pacientes morreram.

Foram confirmadas mais duas mortes no Estado. As vítimas residiam em Guaíra e Curitiba. Eles estavam internados e tinham 74 e 81 anos, respectivamente. Do total de infectados, 636 são homens e 635 mulheres. Dos 77 óbitos registrados, 54 são de homens (70% do total) e 23 de mulheres (30%). O Estado tem 851 pessoas recuperadas (67% do total de infectados) e 152 pacientes internados, sendo 66 em leitos clínicos e 86 em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs). A taxa de letalidade está em 6%.

Brasil passa de 5 mil mortes de Covid-19

Segundo levantamento do portal G1 junto às secretarias estaduais de saúde foram registradas 5.083 mortes provocadas pela Covid-19 e 73.166 casos confirmados da doença em todo o País.

Foram 474 óbitos confirmados nas últimas 24 horas, maior número registrado no período desde o início da pandemia. No total, são 71.886 casos oficiais no Brasil, segundo os dados mais recentes do Ministério da Saúde, com 5.385 novos diagnósticos nas últimas 24 horas.