notícias

Cinco casos suspeitos de Covid-19 aguardam resultados de exames em Irati

Apenas um dos casos é novo em relação ao Boletim do Departamento de Vigilância Epidemiológica divulgado no dia anterior

Da Redação


Boletim da Vigilância Epidemiológica de Irati divulgado na quinta-feira, 9, mostra casos de coronavírus notificados no município. Foto: Divulgação


Cinco casos suspeitos de Covid-19 aguardam resultados de exames em Irati, que podem confirmar ou descartar o diagnóstico da doença. Apenas um deles é novo em relação ao Boletim do Departamento de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde divulgado na quarta-feira (8). Os dados são do novo boletim, emitido nesta quinta (9).

Na comparação com o boletim anterior, surgiram duas novas notificações de casos que foram submetidos a exames. Dos quatro casos que aguardavam resultados de exames, um já foi descartado e, agora, são 30 casos descartados por critério laboratorial, contra 29 de quarta-feira (8). Os dois novos casos que foram submetidos a exames se somam aos três que aguardam resultados e, portanto, são cinco casos em investigação.

Dos 95 casos suspeitos já notificados no município de Irati, 60 foram descartados por critério clínico-epidemiológico. Ou seja, casos que apresentaram síndrome gripal (SG), porém, sem sintomas de síndrome respiratória aguda grave (SRAG), nem histórico de viagem ou de contato próximo com caso laboratorialmente confirmado de Covid-19.


Foram realizados 35 exames até agora e, desses, 30 já deram resultado negativo e outros cinco aguardam resultado. Os exames são realizados em pacientes com SRAG ou que tiveram histórico de viagem recente ou de contato próximo com caso confirmado em laboratório. Os resultados dos exames demoram, em média, uma semana para ficarem prontos e são feitos pelo Laboratório Central do Paraná (LACEN-PR) e laboratórios privados credenciados.

Região

Além do município de Irati, os outros oito municípios da 4ª Regional de Saúde seguem sem nenhum caso confirmado. A 4ª Regional é a única em todo o Estado do Paraná, entre as 22 Regionais, sem pacientes com Covid-19. De acordo com o Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (SESA), divulgado às 15h desta quinta (9), apenas Imbituva possui um único caso em investigação. As demais cidades zeraram o número de casos suspeitos, com o descarte de todos os casos, até agora, notificados.

Cumpre ressaltar que o Boletim da SESA enumera apenas os casos suspeitos de Covid-19 que tiveram amostras coletadas e processadas pelo LACEN-PR e pelos laboratórios privados credenciados. Por isso, há disparidade nos dados em comparação com os boletins municipais, que incluem todos os casos de síndrome gripal, inclusive os que são descartados apenas por critério clínico-epidemiológico.

Paraná

Com 71 novas confirmações, subiu para 621 o número de pacientes confirmados no Paraná. Desses, 12 são de fora do Estado: seis de São Paulo (SP), um de Brasília (DF), um de Niterói (RJ), um de Campinas (SP), um de Barra do Turvo (SP), um de Mafra (SC) e um de Natal (RN).

A paciente de Natal (RN), de 83 anos, está na lista dos sete novos óbitos confirmados no Paraná no boletim desta quinta (9). A idosa estava internada desde a última quarta (1º), no Hospital Regional do Litoral, em Paranaguá. A confirmação para Covid-19 veio no domingo (5). Ela chegou a ser transferida para Natal, onde morava, de fato. Também no Hospital Regional do Litoral, em Paranaguá, faleceu um homem de 48 anos. Ambos possuíam comorbidades e faleceram na quarta (8).
Ainda na quarta (8), mais três homens faleceram: dois que estavam internados em Maringá, de 55 e de 88 anos, e um de 42 anos, de Campina da Lagoa, no Centro-Oeste do Estado, na Regional de Campo Mourão (11ª RS).

Mais dois homens de Curitiba morreram em função da doença. Um deles, de 72 anos, estava internado desde o dia 21 de março e teve confirmação para Covid-19 no dia 27. O segundo, um homem de 56 anos, estava internado desde sexta (2) e teve a doença confirmada no domingo (5). Ambos faleceram na terça (7).

Os 71 novos casos são de Almirante Tamandaré (1), Curitiba (32), Pinhais (3), Colombo (2), Cascavel (11), Maringá (2), Araucária (1), Campo Largo (1), Campina da Lagoa (1), Guaraniaçu (1), Foz do Iguaçu (1), São João do Ivaí (2), Manoel Ribas (1), Campo Mourão (1), Fazenda Rio Grande (2), São José dos Pinhais (2), Paranavaí (1), Lapa (1), Piraquara (1), Londrina (2) e Assis Chateaubriand (2).

De todos os 6.472 casos notificados no Paraná, foram descartados 5.504; 621 foram confirmados e 24 vieram a falecer. Dos 621 confirmados, 12 são de fora do Paraná e, dentre esses, uma veio a óbito. Outros 346 pacientes aguardam resultados de exames.

Em todo o Paraná, há 117 pacientes internados, sendo 68 em UTI e 49 em leitos clínicos. Dentre os 399 municípios paranaenses, 74 (18,54% dos municípios) já confirmaram casos ou óbitos.

Brasil

O índice de mortalidade por Covid-19 no Brasil subiu, de quarta (8) para quinta (9), de 5% para 5,3%. Com 141 novos óbitos em 24 horas, houve aumento de 18%: o número de mortes saltou de 800 para 941 em apenas um dia. Já o total de casos cresceu 12%, com 1.910 novas confirmações.

Em todo o Brasil, 17.857 casos já foram confirmados, a maior parte deles no estado de São Paulo (7.480), estado que também concentra o maior número de óbitos: 496. O Rio de Janeiro possui 2.216 casos confirmados e 122 óbitos. O Ceará tem o terceiro maior número de casos confirmados: 1.425, mas é o quarto em número de mortes: 55. Pernambuco, apesar de registrar bem menos casos confirmados (556), teve mais mortes do que no Ceará: 56, sendo o estado com maior índice de mortalidade (10,07%). O Tocantins é o único estado a não registrar nenhuma morte por Covid-19 até o momento e também é o que confirmou menos casos: 23.

Os dados são do Ministério da Saúde, relativos aos casos confirmados até as 14h desta quinta (9).