notícias

Caminhos do Paraná inicia distribuição de kits de alimentação para caminhoneiros

Serão distribuídos 9 mil kits no período de 30 dias. Cada kit é composto de macarrão instantâneo, água mineral e dois pacotes de biscoito

Da Redação


Kits serão entregues nas praças de pedágio administradas pela concessionária Caminhos do Paraná. Foto: Assessoria de Imprensa da Caminhos do Paraná
A concessionária Caminhos do Paraná iniciou a distribuição de alimentos para os caminhoneiros. Cada kit é composto de macarrão instantâneo, água mineral e dois pacotes de biscoito. A ação será realizada de forma rotativa nas praças de pedágio administradas pela empresa nas cidades de Irati, Prudentópolis, Lapa, Porto Amazonas e Imbituva.

Segundo a assessoria de imprensa da concessionária, serão distribuídos 9 mil kits no período de 30 dias. Ou seja, serão entregues 300 kits por dia. O diretor-presidente da Caminhos do Paraná, Paulo Naves, afirma que o objetivo é auxiliar os caminhoneiros, que tem encontrado dificuldades para localizar restaurantes e estabelecimentos para fazer suas refeições em função das medidas de restrição estabelecidas em virtude da pandemia do coronavírus. “Nosso lote está relativamente bem provido, pois fazemos um levantamento diário e percebemos que a maior parte está funcionando, ainda que com as necessárias restrições, mas em outras regiões há relatos de mais dificuldade. Como o kit tem validade de vários dias, pode ser usado por eles conforme sua necessidade e de acordo com o itinerário e a existência ou não de outras opções de alimentação”, relatou Paulo.

O diretor de operações da concessionária, Márcio Agulham Martins, destaca que a empresa também adotou outra medida importante nesse momento ao isentar a cobrança de pedágio dos usuários da rodovia que trabalham no enfrentamento à pandemia. “Já temos mais de 100 profissionais cadastrados e que diária ou semanalmente vêm contando com o benefício”, relata Márcio.

A medida passou a ser aplicada no dia 24 de março com prazo de vigência de 30 dias. Serão beneficiadas as pessoas que estiverem em deslocamento ou a serviço do Poder Público (federal, estadual ou municipal) em medidas de contenção e mitigação à emergência de saúde do COVID-19.

Quer receber notícias locais? 

Para ter acesso ao benefício, o órgão público deve disponibilizar a relação de profissionais, cargo ou função e número de registro profissional (Conselho Regional de Enfermagem do Paraná (Coren), Conselho Federal de Medicina (CRM) ou correlato). Além disso, deve informar o modelo e placa dos veículos, além do número da TAG (etiqueta de passagem eletrônica de pedágio) associada ao veículo. Segundo a Caminhos do Paraná, essa última determinação não é obrigatória, mas deve ser aplicada para dar agilidade e reduzir o contato com os funcionários que trabalham nos guichês.

Os interessados podem solicitar informações pelo e-mail remota1@caminhosdoparana.com.br.

Praças de pedágio da Caminhos do Paraná

A Caminhos do Paraná administra 405 quilômetros de rodovias. As praças de pedágio ficam na BR-277, em Prudentópolis/Relógio, BR-277, em Irati, PR-427, em Porto Amazonas, BR-373, em Imbituva, e BR-476, na Lapa.