notícias

Através de uma iniciativa da Câmara, Executivo terá R$ 1,6 milhão para enfrentamento do coronavírus

O montante proveniente de economias da Casa de Leis deverá ser repassado à Secretaria de Saúde para aquisição de insumos e serviços médicos

Assessoria da Câmara Municipal/Rafaella Maier
Projeto 016 é enaltecido pelos parlamentares e aprovado por unanimidade de votos
Na manhã desta quinta-feira (16), em Sessão Extraordinária, os vereadores aprovaram em única votação, por unanimidade de votos, o Projeto de Lei nº 016/2020 que autoriza abertura de crédito adicional suplementar na importância de até R$ 1.625.000,00. A referida propositura foi elaborada baseada em uma reunião realizada entre Executivo e Legislativo no dia 26 de março, onde a Mesa Diretora, através do Presidente Nei Cabral, colocou a Casa de Leis a disposição do município para auxiliar no enfrentamento do novo coronavírus.

Visando auxiliar a população neste momento difícil, que vem afetando o país, o Legislativo fez uma reorganização dos gastos indispensáveis da Casa até o final do ano. Conforme o Presidente Nei Cabral: “fizemos uma readequação do dinheiro, deixando para o futuro gastos e investimentos que seriam realizados no orçamento deste ano, tendo em vista que a prioridade é a saúde da população”.


O montante repassado pelo Legislativo será destinado a manutenção das atividades em saúde, bem como aquisição de insumos e serviços médicos, atendendo as orientações do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde (OMS) em relação a pandemia do Covid-19.

Os vereadores elogiaram a ação da Mesa Diretora, apesar de já estarem colaborando e auxiliando a população individualmente neste momento de crise. Rogério Luís Kuhn parabenizou pelo projeto e enfatizou: “uma ação que vem de encontro ao que sempre ponderei sobre termos um orçamento enxuto. Esse dinheiro seria devolvido igual no final do ano, porém a urgência se faz maior neste momento. Espero que no próximo ano, o orçamento já seja feito de maneira enxuta, coerente, razoável e factível à sobrevivência e manutenção da Casa. Parabéns pela atitude exemplar e cívica”.

Helio de Mello também parabenizou a Mesa: “Devido a atual situação do país, existe necessidade de adequações tanto na área empresarial, comercial como também nos setores públicos e a ação da Câmara não poderia ser diferente. Precisamos ser solidários e coerentes. Mais de um milhão e meio que a Câmara no decorrer dos meses deixará de receber para que o executivo possa utilizar os recursos na saúde. Parabéns à Mesa pela grande articulação e ao Executivo pelo trabalho”.

O 1º Secretário José Bodnar destacou: “Estamos recebendo críticas que os vereadores não estão fazendo nada, esta ação demonstra, portanto, que a Câmara está participando e auxiliando a comunidade e o executivo. Não é só o Covid-19 que estamos enfrentando, temos também a dengue e outra doenças acontecendo. Com certeza este recurso da Câmara será bem investido pela administração na saúde”. Nivaldo Bartoski afirmou: “Hoje o mundo enfrenta dificuldades e a Câmara está agindo e está de parabéns por esta ação”. Marcelo Rodrigues enfatizou a importância do projeto, elogiando a atitude da Mesa Diretora de antecipar este recurso ao executivo para que o mesmo possa aplicar na saúde pública. “Estamos recebendo críticas, mas todos nós estamos agindo diariamente, fazendo um trabalho de formiguinha para ajudar o povo e as entidades. O que você faz com a mão direita, não precisa que a mão esquerda saiba”, salientou.  

O vice-presidente Wilson Karas comentou sobre a existência de um aparelho que em poucos minutos diagnostica o que a pessoa tem, o qual estará sendo comercializado dentro de poucos dias. “Seria interessante que o município adquirisse, teríamos uma arma na mão”. Para Roni Surek a Câmara está de parabéns. “Estão circulando na internet vídeos e comentários maldosos e irresponsáveis de pessoas que tentam denegrir a imagem dos vereadores. Mas lembro a todos que chegamos até aqui através do voto popular e estamos trabalhando e fazendo sim a nossa parte, mesmo que anonimamente”.

Edson Luís Elias além de enaltecer a atitude da Mesa Diretora, contou que representando o Legislativo participou de uma reunião com o executivo e entidades sem fins lucrativos para tratar da campanha “Todos por Irati”, de iniciativa do prefeito Jorge Derbli. “Amanhã teremos outra reunião. O prefeito também estará antecipando a campanha do agasalho”, afirmou. O 2º Secretário Alberto Schereda disse que este é um momento de união. “Precisamos todos nos somar, Irati vai sair dessa e logo poderemos nos abraçar e estar junto das famílias. Parabéns à Secretária de Saúde Jussara que está fazendo um belo trabalho na linha de frente”.

O Presidente Nei Cabral parabenizou os vereadores pelos pronunciamentos. Em relação ao projeto 016 afirmou: “A propositura teve que vir do executivo por questão de ordem, mas quero deixar claro que se trata de uma iniciativa da Câmara. Com o apoio de todos desta Casa entramos em contato com o Executivo, e através de estudos e adequações do orçamento, conseguimos concretizar esta ação. Sobre os comentários maldosos na internet, reafirmo que este é um ato da Câmara, mas existem ainda as ações individuais de cada vereador junto do povo”, afirmou. Sobre o período em que estiveram suspensas as sessões, Nei contou que o Legislativo não parou e esteve presente em todas as reuniões junto com o executivo tratando dos decretos que envolveram comerciantes, empresários, autônomos e demais áreas. “Estamos diariamente trabalhando pela nossa população e este recurso que a Câmara disponibilizou antecipadamente vai auxiliar significativamente a saúde dos iratienses”, concluiu.