notícias

4ª Regional de Saúde tem 29 casos descartados de coronavírus

Em Irati, número de casos descartados subiu de nove para 16. Doze pessoas estão sendo investigadas na região

Rodrigo Zub


Foto: Divulgação

A 4ª Regional de Saúde tem 29 casos descartados de coronavírus. Somente 12 pacientes estão sendo investigados, conforme dados do último boletim divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SESA) na tarde de sábado, 28.

Irati tem 16 casos descartados, sete a mais do que no dia anterior. Nove pessoas ainda aguardam o resultado do exame no Laboratório Central do Estado do Paraná (Lacen). Os outros municípios da 4ª Regional com casos suspeitos no boletim da SESA são Rio Azul (2) e Fernandes Pinheiro (1). Segundo a secretaria de Saúde de Rio Azul, o município tem quatro casos descartados e 38 sendo monitorados. Mais 13 exames tiveram resultado negativo para coronavírus na região: Rebouças (4), Imbituva (3), Inácio Martins (2), Mallet (1) e Teixeira Soares (1), Rio Azul (1) e Fernandes Pinheiro (1).

De acordo com a secretária de Saúde de Fernandes Pinheiro, Emanuelle de Mattos, as pessoas apresentavam suspeitas no município tiveram contato com outros moradores que viajaram. Já em Inácio Martins, o prefeito Junior Benato disse a nossa reportagem que a maioria da população entendeu que o isolamento domiciliar é a melhor atitude a ser tomada neste momento. “A indústria está trabalhando e o comércio parado. Porém, teremos que retomar aos poucos as atividades, pois se não acontecer, nossa economia entrará em colapso antes da chagada da doença. Hoje não temos nenhum caso suspeito que seja oficial, mas as pessoas que apresentam gripe leve, que não atendem os requisitos de suspeitos, estão sendo aconselhados a ficarem em isolamento e acompanhados pela saúde para ver a evolução”, afirma Benato.

Na 3ª Regional de Saúde, Ponta Grossa tem três casos confirmados, 67 descartados e 15 suspeitos. Já em Ivaí, cinco pessoas tiveram resultado negativo para coronavírus e uma segue em investigação.
Na 5ª Regional de Saúde, Guarapuava teve um teste positivo, 23 descartados e 38 em investigação. Prudentópolis e Pitanga tem um caso descartado e dois em investigação. Os outros municípios com resultados negativos para Covid-19 são: Pinhão (5), Laranjeiras do Sul (4), Nova Laranjeiras (1), Candói (1), Laranjal (1) e Turvo (1). Cantagalo tem um caso suspeito, Marquinho (2), Palmital (3) e Nova Laranjeiras (2).

Na 6ª Regional de Saúde, União da Vitória possui um caso positivo, 34 descartados e dois em investigação. São Mateus do Sul tem oito notificações, sendo quatro descartados e quatro suspeitos. Em Cruz Machado, quatro pessoas tiveram resultado negativo para coronavírus e uma segue em investigação. General Carneiro tem um caso descartado e quatro suspeitos. Em Porto Vitória, um teste apresentou resultado negativo e outro morador apresenta sintomas suspeitos. Antonio Olinto tem um caso em investigação e Bituruna um descartado.

No Paraná, o número de casos de coronavírus subiu de 125 para 137. As 12 pessoas diagnosticadas com a doença moram em Curitiba (2), Cascavel (2), Foz do Iguaçu (2), Londrina (2), Campo Largo (1), Mariópolis (1), Paranavaí (1), Quatiguá (1). Os pacientes são nove homens e três mulheres, com idades entre 24 e 69 anos, de acordo com a SESA.

Cidades com casos confirmados

Curitiba: 74
Cianorte: 7
Foz do Iguaçu: 7
Maringá: 7 – com 2 mortes
Cascavel: 7
Londrina: 5
Pinhais: 3
Ponta Grossa: 3
Pato Branco: 2
Campo Largo: 2
Guaíra: 2
Paranavaí: 2
Campo Mourão: 2
Colombo: 1
Faxinal: 1
Guarapuava: 1
Iretama: 1
Mariópolis: 1
Quatiguá: 1
Rio Negro: 1
Telêmaco Borba: 1
Umuarama: 1
União da Vitória: 1
Residentes de outros estados com diagnósticos no Paraná: 4

As secretarias estaduais de Saúde divulgaram até 18h deste sábado (28), 3.866 casos confirmados do novo coronavírus (no Brasil com 114 mortos. As mortes foram registradas nos estados de Amazonas (1), Ceará (4), Pernambuco (5), São Paulo (84), Rio Grande do Sul (2), Santa Catarina (1), Paraná (2), Goiás (1), Rio de Janeiro (13) e Piauí (1). Nesse último caso, a vítima foi o prefeito do município de São José do Divino, Antônio Nonato Lima Gomes, que tinha 57 anos e morreu na madrugada de ontem. Ele tinha histórico de diabetes e teve uma evolução rápida da doença.
.
Caso suspeito

É aquele que preenche critério para investigação, apresentando algum sintoma sugestivo e que tenha viajado nos últimos dias.

Caso monitorado

É aquele que não preenche requisito para investigação e ficará em observação na residência, evitando contato com novas pessoas.

Caso confirmado

É aquele que receber o resultado positivo após a testagem, que na região é feito depois do envio de material coletado para o Lacen.

Caso descartado

É aquele que obteve resultado negativo após a realização do teste ou que, após o período de quarentena, não apresentou sintomas. As informações são do portal G-1