notícias

Fumicultor é agredido durante roubo no interior de Rio Azul

Ladrões roubaram aparelho de monitoração de calor da estufa e agrediram fumicultor, que sofreu ferimentos graves na cabeça

Da Redação
Um fumicultor foi agredido durante roubo registro no início da madrugada de ontem, 31, na localidade de Faxinal dos Paulas, em Rio Azul. A vítima sofreu ferimentos graves e está internada em um hospital em Ponta Grossa.  
Por volta da meia-noite, o homem acordou para colocar lenha na estufa, que estava secando fumo e fica ao lado de sua residência. Como o homem demorou para retornar para sua casa, a mulher dele foi até a estufa para verificar o que havia ocorrido. Lá, ela encontrou o marido caído e desacordado. O homem sofreu vários ferimentos na cabeça. Várias manchas de sangue foram encontradas no local. Familiares encaminharam a vítima até o hospital. O irmão do homem agredido disse aos policiais que os ladrões roubaram um aparelho eletrônico de monitoração de calor de estufa. Policiais realizaram buscas, mas não encontram os autores do crime. 
Em entrevista ao portal “Notícia da Região”, do jornalista Clayton Burgath, a irmã da vítima disse que o homem sofreu traumatismo craniano. Por isso, foi necessário transferi-lo para atendimento especializado em Ponta Grossa. A mulher ainda informou que seu irmão está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em coma induzido. 
A Polícia Civil de Rebouças esteve no local onde ocorreu o roubo e teve acesso as imagens das câmeras de segurança existentes na propriedade para tentar identificar os autores do crime. 

Furto em residência

Ainda em Rio Azul, um homem disse que saiu para trabalhar com sua família na manhã de ontem, 31. Quando retornou ao local, o morador percebeu que a residência havia sido invadida. Uma TV de 39 polegadas, um celular e uma carteira com documentos e cartões de banco foram levados. Policiais realizaram buscas, mas não encontraram o autor do furto e nem os objetos furtados.

Moto apreendida

Em outra situação, policiais realizavam patrulhamento quando tentaram abordar o condutor de uma moto CG 125 Fan, que não acatou a solicitação e fugiu. A equipe utilizou sinais sonoros e luzes de emergência, mas o motociclista prosseguiu a fuga. A PM continuava as buscas por outras ruas quando avistou a moto caída e abandonada sem o condutor. Em consulta ao sistema foi constatado que a moto apresentava débitos na documentação. O veículo foi recolhido ao pátio do Destacamento da PM.

Homem recebe ameaças de extorsão

Em Guamiranga, um homem disse que está recebendo ameaças de um número de telefone com DDD 55 (estado do Rio Grande do Sul) desde o dia 23 de janeiro. As ameaças começaram após o homem perceber que algumas fotos pessoais desapareceram do seu celular. A partir disso, o morador percebeu que o aparelho ficou mais lento. Além disso, ele recebeu um e-mail com uma notificação de uma tentativa de acesso a sua conta no Facebook.
Os autores da ameaça disseram que vão expor fotos sem roupa do morador e conversas que ele teve com meninas adolescentes. O homem chegou a receber uma foto de uma menor em seu celular. Depois disso, uma outra pessoa com número de telefone diferente começou a mandar mensagens em seu celular dizendo que era um Delegado de Polícia Civil no estado do Rio Grande do Sul, inclusive enviando foto da cédula funcional com o número de registro. A vítima relatou que o homem que se passou por Delegado ainda enviou algumas fotos íntimas da mesma adolescente no seu celular. O suspeito ainda encaminhou mensagens com montagens de conversas entre o morador e a menor de idade. O homem teria exigido o pagamento de R$ 8 mil em sua conta para não dar prosseguimento ao inquérito policial.
O morador de Guamiranga disse que não conversou com nenhuma pessoa estranha. Por isso, ele acredita que seu telefone foi hackeado. O homem foi orientado a procurar a Polícia Civil com as imagens recebidas para repassar os números de telefone usados pelas pessoas que tentaram extorqui-lo.