notícias

Mulher arremessa enxada na direção do vizinho

Autora do fato ainda disse que pretendia chamar seus irmãos para agredi-lo

Da Redação
Uma mulher arremessou uma enxada na direção do vizinho. A ocorrência foi registrada na tarde de sábado, 18, no bairro Choma.  
O objeto não atingiu o morador. A autora do fato disse que pretendia chamar seus irmãos para agredi-lo. Ela deixou o local antes da chegada da Polícia Militar.
Em outra situação, um homem afirmou que estava transitando com seu veículo quando o condutor de uma motocicleta realizou uma manobra que o obrigou a desviá-lo. Em virtude do fato, o motorista buzinou para o motociclista. Depois disso, o condutor passou a segui-lo e tentou dar chutes em seu carro. Além disso, o homem teria mostrado uma arma que estava em sua cintura.
Também em Irati, uma mulher informou que seu pai estava embriagado na residência e tentando agredir sua mãe. A vítima disse que seu marido chegou em casa com sintomas de embriaguez e lhe ameaçou de morte. A moradora afirmou que as ameaças são frequentes. O autor deixou o local antes da chegada da PM.
No bairro Camacuã, um homem foi agredido pelo vizinho após um desentendimento entre ambos. A vítima relatou que estava dentro do pátio de sua residência no momento que o agressor abriu o portão, entrou no imóvel e o agrediu com socos. O homem agredido estava com seu filho no colo. Um dos socos acerto a criança.
Os envolvidos na briga foram encaminhados para o Pronto Atendimento para realizaram o laudo de lesões corporais e entregues na Delegacia. A criança recebeu atendimento médico. O Conselho Tutelar foi informado sobre o fato e acompanhou a situação.
No bairro Nossa Senhora da Luz, informações davam conta que dois irmãos acabaram brigando e que essa situação é recorrente. Os envolvidos disseram aos policiais que discutiram, mas entraram em acordo e dispensaram a intervenção da equipe.
Policiais também estiveram no ginásio Agostinho Zarpellon Junior (Batatão) na manhã de sábado, 18. Na ocasião, estavam ocorrendo jogos de futsal. Conforme denúncia, uma das atletas teria sido agredida pelo namorado. A vítima afirmou que o pai do seu filho foi até o local e pretendia conversar com ela. Porém, ela disse que não poderia falar com ele naquele momento, pois o jogo ia começar. O homem teria puxado a mulher pelo braço. Outras pessoas que estavam no local interviram na situação. Com isso, o autor deixou local antes da chegada dos policiais.
Em outra situação ocorrida no ginásio Batatão, uma mulher afirmou que estava participando de um evento esportivo no local quando outra mulher se aproximou e lhe agrediu com tapas no rosto, apertou seu braço e deu uma joelhada em sua perna. Depois do fato, a agressora deixou o local.  
Na noite de sábado, 18, um homem foi esfaqueado na Vila São João. A vítima, de 40 anos, sofreu um ferimento no braço e foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros de Irati. Dois homens teriam abordado a vítima, sendo que um deles portava uma faca.  
Já na madrugada de domingo, 19, uma moradora da Vila Rural entrou em contato com a PM para informar que seu cunhado descumpriu uma medida protetiva. Ela informou que o homem estava em sua residência embriagado e agindo de forma agressiva. Por isso, ambos foram levados para a Delegacia.