notícias

Confira dicas para evitar acidentes com crianças em prédios

Imagem compartilhada nas redes sociais indicava a presença de uma criança na janela de prédio em Irati. Comandante do Corpo de Bombeiros de Irati repassa dicas de segurança

Da Redação
Na tarde de quinta-feira, 30, circulou nas redes sociais uma imagem de uma criança que estaria na janela de um prédio em Irati.
A reportagem da Najuá procurou o Corpo de Bombeiros para verificar a veracidade do fato. Segundo a corporação, um homem esteve na sede do Corpo de Bombeiros para relatar que havia visto a criança no local. Porém, ao chegar no local indicado, um bombeiro disse que não havia ninguém e a situação já havia se resolvido.
A Comandante do Corpo de Bombeiros, Tenente Carla Spak Sobol, ressalta que um importante instrumento de segurança para quem vive em edifícios com crianças pequenas é a rede de proteção. Ele repassou outras dicas para evitar acidentes.

Ouça o áudio da entrevista com a Tenente no fim do texto

“Essa rede foi de fundamental importância para essa criança devido ao fato que ela só não sofreu a queda daquela altura devido a esta proteção. Poderia ter ferimentos graves, inclusive a perda da vida. Foi de fundamental importância [a rede de proteção]. O que o Corpo de Bombeiros também orienta é que os pais evitem de deixar móveis, sofás, cadeiras ou coisas que as crianças possam subir e acessar a janela”, relata.
A Tenente diz que os acidentes podem acontecer em varandas e até mesmo em janelas mais altas. “As normativas dos bombeiros pedem que os guarda-corpos sejam verticais e não horizontais como era antigamente justamente para que a criança não use como degrau. Então esse já é um cuidado da nossa norma e que a gente pede em nossas vistorias em locais que tenha a presença de guarda-corpos”.
Carla afirma que não houve necessidade de intervenção do Corpo de Bombeiros na situação que teria ocorrido conforme relato de moradores. Mesmo assim, ela alerta que as crianças precisam ser monitoradas em todos os momentos. “A gente sabe que a criança uma piscada de olho, elas já estão se colocando em situação de risco. Fica o alerta para que a gente esteja tomando cuidado e protegendo essas situações como foi o caso dessa rede que provavelmente hoje salvou a vida dessa criança”, reforça a Comandante do Corpo de Bombeiros.