notícias

Veículo que transportava pacientes bate na traseira de bitrem

Passageira do carro que não usava cinto de segurança, conforme a PRF, não resistiu aos ferimentos e morreu no local do acidente


Da Redação
Uma mulher morreu e três ocupantes do Spin ficaram feridos

Uma mulher que não usava cinto de segurança morreu em acidente envolvendo um caminhão bitrem e um veículo Chevrolet Spin na BR-376, em Palmeira. A colisão traseira ocorreu no km 541 + 600 metros da rodovia, na madrugada desta segunda-feira, 16.
Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o automóvel colidiu na traseira do caminhão em uma reta logo após o primeiro pedágio entre Ponta Grossa e Curitiba. Aparecida Lima Gallo da Silva, de 59 anos, que estava no banco traseiro e não usava cinto de segurança morreu no local. Outros três ocupantes do Spin sofreram ferimentos leves e foram encaminhados para os hospitais Amadeu Puppi e Regional de Ponta Grossa. 
O local do acidente é de pista dupla. A PRF está investigando se o motorista do veículo dormiu na direção antes da batida.
O automóvel realizava o transporte de pacientes do município de Ribeirão do Pinhal/PR, na região do Norte Pioneiro, para Curitiba. Aparecida estava acompanhando o marido Vicente Reis da Silva, que viajava para a capital para consultar. A vítima fatal era natural de Congonhinhas/PR, que também fica no Norte Pioneiro.
Os ocupantes do Spin iniciaram a viagem na noite de domingo, 15, com o motorista e cinco passageiros. Conforme relato do condutor do carro, Claudio Roberto Firmino, havia neblina e chovia no momento da colisão.
Em nota a prefeitura de Ribeirão do Pinhal informou que uma equipe foi encaminhada para a acompanhar e dar assistência aos envolvidos no acidente.
Aparecida Lima Gallo da Silva
Carro colidiu na traseira de bitrem
Acidente ocorreu na madrugada de segunda-feira, 16, no km 541 + 600 metros da rodovia