notícias

Mulher invade posto de saúde e ameaça matar irmã

Vítima que trabalha na unidade de saúde disse que esta situação já ocorreu outras vezes

Da redação
Uma mulher invadiu o Posto de Saúde da Vila Zezo, em Imbituva, na sexta-feira, 13. Na ocasião, ela ameaçou matar a própria irmã.
De acordo com a Polícia Militar (PM), a invasora fez uma algazarra no local antes de ameaçar a irmã, que é funcionária da unidade. A vítima disse que esta situação ocorre frequentemente. Outra funcionária confirmou a informação. Por isso, ambas decidiram representar contra a autora.
A mulher foi encontrada pelos policiais e encaminhada para a sede do 3º Pelotão. Ela foi ouvida e liberada.

Mulher ameaçada de morte

Em outra situação, uma mulher foi agredida e ameaçada pelo marido após um desentendimento. Segundo a PM, a vítima levou um chute na perna. Em seguida, o agressor, que estaria embriagado, deixou o local com uma moto.
Posteriormente a vítima foi até a Rodoviária Municipal, onde encontrou o marido. Ele a ameaçou de morte com um revólver e depois fugiu pela Avenida Centenário. Policiais conseguiram abordá-lo e fizeram o teste do bafômetro, que apontou 0,32 mg de álcool no organismo. O homem não portava objetos ilícitos.
Como a vítima não quis representar à ocorrência, a Polícia Civil de Irati, que responde pelo município de Imbituva, apenas a orientou a solicitar uma medida protetiva contra o agressor, que deve ser intimado a comparecer na Delegacia.

Abandono de menores

Já na Vila Rubinho, duas crianças foram abandonadas em uma residência. Conselheiros tutelares e policiais encontraram um bebê de 9 meses e uma criança de 2 anos e meio no local. Três pessoas, sendo uma mulher e dois homens, conseguiram fugir pelos fundos do imóvel. As crianças foram entregues ao pai, que levou os filhos para casa.