notícias

Governo do estado autoriza a contratação de técnicos para o Hemepar de Irati

Profissionais aprovados no concurso público de 2016 irão ocupar as vagas remanescentes na 4ª Regional de Saúde de Irati

Lenon Diego Gauron, com reportagem de Paulo Henrique Sava.
O governo do estado autorizou a contratação de novos técnicos para o quadro de servidores da 4ª Regional de Saúde de Irati. Os novos técnicos foram aprovados no concurso público realizado em 2016 e irão ocupar cargos no Centro de Hematologia e Hemoterapia do Paraná (HEMEPAR), responsável pela coleta, armazenamento, processamento, transfusão e distribuição de sangue para hospitais da região. Estão previstas as contratações de uma enfermeira, dois técnicos de laboratório e uma assistente social que irá auxiliar na busca de novos doadores e no acompanhamento dos atuais.
Em entrevista ao repórter Paulo Henrique Sava, o chefe da 4ª Regional de Saúde de Irati, Walter Henrique Trevisan, falou sobre as futuras contratações. “O nosso governador autorizou, saiu o edital (...) nós sabíamos que tinham algumas contratações a serem feitas”, disse. “As reivindicações que os nossos colegas têm feito estão sendo levadas à direção geral e ao secretário Beto Preto”, relatou.
Trevisan também falou sobre a possibilidade de ampliação do edifício onde o Hemepar está localizado. Atualmente, o órgão funciona em anexo ao ambulatório do Consórcio Intermunicipal de Especialidades, no centro de Irati.
“A nossa vontade é de ampliar o prédio, mas nós temos uma dificuldade de terreno, porém o nosso Consórcio Intermunicipal de Saúde irá receber um centro de especialidades, então há um investimento que será feito nos próximos anos, sinalizando que nosso prédio será desocupado”, comentou. Ele também falou que existe a vontade de reformar a estrutura já existente que é utilizada atualmente e ampliar a possibilidade de coleta de sangue e oferecer maior conforto aos doadores. “A gente já tinha um sonho de fazer isso virar realidade e acho que isso é uma questão de tempo para a gente ter uma unidade melhor estruturada para dar o atendimento que os nossos doadores merecem” completou.
A chefe do Hemepar de Irati, Emilinha Zarpellon, manifestou contentamento pela liberação das contratações e que a possível ampliação da unidade de coleta “é um sonho”, assim como a renovação no quadro de funcionários.
A reforma é uma reivindicação dos servidores que pedem melhorias e a ampliação do prédio, bem como a contratação de novos técnicos para auxiliar na coleta e na análise das doações de sangue.