notícias

Angaí e Assungui devem ganhar novos trechos de pavimentação

Projetos já foram protocolados junto ao Governo do Estado

Da redação, com reportagem de Paulo Henrique Sava 
Durante a Agrifrut Fest, no início de dezembro, o município de Fernandes Pinheiro obteve permissão do governo estadual para licitar mais um quilômetro de meio-fio e calçada e para 300 metros de pavimentação na comunidade do Angaí, na zona rural do município. “Essa pavimentação vai até a frente da escola nova, a escola que conseguimos já inaugurar e onde os professores trabalham com seus alunos durante o ano todo. Para o próximo ano, faremos a pavimentação até a frente da escola, melhorando bastante as condições de tráfego”, anuncia a prefeita Cleonice Schuck.
A obra está orçada em R$ 1,2 milhão, envolvendo o meio-fio, a calçada e a pavimentação. “É um projeto só. É um recurso oriundo do Governo do Estado do Paraná, através da Secretaria de Infraestrutura e Logística (SEIL), do secretário Sandro Alex e o projeto solicitado pelo deputado Alexandre Curi”, explica. O município deve licitar a obra e cabe ao Estado repassar o recurso necessário para o pagamento à empreiteira que vencer o certame.
“Nessa mesma ocasião, protocolamos junto ao Governo do Estado, entregue em mãos ao secretário Sandro Alex, o protocolo do projeto de pavimentação da BR-277 até a comunidade do Assungui. São 10 quilômetros de pavimentação, dividimos em duas etapas: uma até a Ponte do Amaral e outra até a Igreja do Assungui”, conta. O município aguarda que o Estado, via SEIL, analise o projeto e sinalize sua viabilidade. O projeto já foi entregue e está protocolado no E-protocolo, um sistema online de protocolamento de projetos do Governo do Estado.
A pavimentação desde a BR-277 até o Assungui é um sonho antigo da comunidade. “É um sonho que as pessoas ainda não acreditam. Nós, na verdade, não prometemos. Não é uma promessa, mas um oferecimento, digamos assim, do Governo do Estado, que vem procurando melhorar a qualidade de vida dos cidadãos. Um dos projetos do governador [Carlos Massa] Ratinho Júnior é de infraestrutura, melhoria nas condições de rodovias e também pavimentação rural, melhorias em trevos. Estamos com projeto de melhoria no trevo de acesso à cidade, que dá acesso ao Parque Industrial e ao município de Teixeira Soares. Ali, o projeto também está com o Governo do Paraná, em fase final de análise e esperamos que também seja liberado para o ano que vem”, adianta.
O projeto de pavimentação até o Assungui possui custo estimado em R$ 14 milhões. “Como é um valor alto, proporcional ao nosso município, acreditamos que deva ser dividido em duas ou três etapas. Essa análise de como vai ser realizada essa obra que nós aguardamos em 2020. É uma alegria muito grande já poder ter realizado a pavimentação da BR-277 até a comunidade do Angaí, que foram 4,5 quilômetros e, agora, esse aval para fazer esse projeto de 10 quilômetros até o Assungui. Nos deixa muito felizes e orgulhosos por estarmos à frente da gestão e conseguirmos tão importante obra para o nosso município”, conclui.

Inaugurada em 2018

A pavimentação da BR-277 até o Angaí, inaugurada em dezembro do ano passado, conseguiu reduzir para quatro ou cinco minutos um percurso que era feito entre 15 minutos a meia hora. Nessa obra, foi aplicado um investimento total de R$ 5,6 milhões; sendo que R$ 4,6 milhões são oriundos de convênio com o Governo do Estado; R$ 780 mil são de cota extra de ICMS, também vindos do Governo do Estado e contrapartida municipal de R$ 384 mil, através de repasse feito pela Câmara dos Vereadores, com recursos devolvidos de 2016.