notícias

Duque de Caxias está com inscrições abertas para cursos técnicos

Inscrições para cursos técnicos em Administração, Informática e Contabilidade seguem até o dia 24 de outubro

Da Redação, com reportagem de Rodrigo Zub 
Pedagoga Delma Braz Serenato e professor de Informática Ricardo Bordeux de Oliveira falaram sobre os cursos disponíveis no Colégio Duque de Caxias em entrevista no programa "Meio Dia em Notícias" da Super Najuá
O Colégio Estadual Duque de Caxias está com inscrições abertas para cursos técnicos subsequentes em Informática, Administração e Contabilidade até o dia 24 de outubro. Os cursos na modalidade subsequente são voltados a estudantes concluintes do ensino médio em 2019 ou que já concluíram o ensino médio em anos anteriores.
Para fazer a inscrição, o interessado deve apresentar o histórico escolar do ensino médio – ou uma declaração de estar cursando o 3º ano do ensino médio, para quem ainda não concluiu; a certidão de nascimento ou casamento; título de eleitor; RG e CPF; uma foto 3x4; um comprovante de residência (conta de luz de até dois meses); um comprovante de renda e um comprovante de vacina – para os menores de 18 anos. Para todos esses documentos, deve ser levada a cópia e apresentar o original.
Segundo a pedagoga Delma Braz Serenato, o curso de Informática apresenta um campo vasto em oportunidades de trabalho. “O mercado está em crise, mas a parte de informática sempre tem um campo aberto para ele. Em relação ao curso de Administração, nossos alunos atuam em todo o comércio da cidade, em todas as empresas. O caso é o mesmo da Contabilidade”, analisa.
Delma ressalta que a área de Contabilidade hoje está com carência de profissionais. “Conversando esses dias com uma professora que trabalha na área contábil, ela comentou que no escritório dela estava havendo dificuldades para contratar um técnico”, diz.
Os cursos são 100% gratuitos, mas as vagas são limitadas. Os cursos técnicos em Administração e Informática têm duração de um ano e meio, ao passo que o de Contabilidade tem extensão de um ano. As inscrições são feitas apenas pessoalmente no colégio. Os interessados que ainda tiverem dúvidas sobre que curso escolher podem conversar com os coordenadores dos cursos, que estarão no Duque de Caxias e vão apresentar toda a ementa de cada um dos cursos.
“No curso de Informática, no terceiro semestre, eles participam do projeto Integrador, em que os alunos desenvolvem um software e, muitas vezes, podem desenvolver um aplicativo para celular”, ressalta.
O professor do curso de Informática, Ricardo Bordeux de Oliveira, destaca que o curso inicia com fundamentos teóricos de programação, de informática instrumental (editores, planilha eletrônica, editor de slides). “Dentro do curso, trabalhamos também com a parte de manutenção de computadores, em que o aluno vai aprender sobre a função de cada um dos componentes do computador até a parte da manutenção mesmo, fazer a montagem do computador. Vai aprender, ainda, a parte de formatação de computadores, que é muito buscada hoje em dia pelos alunos. No terceiro semestre, trabalhamos com a parte de desenvolvimento de sistemas. É uma parte que envolve bastante empenho, mas vemos que os alunos gostam bastante dela”, detalha.
Nos últimos dois anos, os alunos desenvolveram softwares que estão sendo aplicados no dia a dia da comunidade, como um de cadastro para vagas em Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs); e softwares para cadastro de currículos e cadastro para venda de produtos de panificação. “São softwares simples, mas que atendem ao que estudamos ao longo de um ano e meio de curso, com embasamento teórico e a aplicação dessa teoria que ele aprendeu no desenvolvimento de um sistema”, reforça.
“No curso de Administração, o aluno é conduzido a ser um empreendedor”, explica Delma. Desde o primeiro semestre, o aluno tem contato com disciplinas de marketing, estatística e outras voltadas ao mercado de trabalho. No terceiro semestre, o aluno produz um plano de negócios. “O aluno estuda o cenário local e vê onde que visualiza algo para empreender, faz o projeto do negócio dele e, terminando o curso, hoje em dia ele pode procurar investimentos e abrir o próprio negócio”, conta. Um exemplo de negócio próprio elaborado a partir do curso é o Pesque-Pague Duda, menciona a professora.
Já no curso de Contabilidade, o aluno tem contato com a parte teórica e, depois, pode aprofundar e dar continuidade a esses estudos num curso superior de Ciências Contábeis e abrir o próprio escritório de contabilidade. O técnico pode atuar como auxiliar nesses escritórios.
A procura do curso é bastante variada, segundo Delma, pois os alunos têm de 18 a 50 anos. “Temos muitas pessoas que já possuem um empreendimento e que vão até lá para poder se aperfeiçoar um pouco mais. O curso proporciona tanto um crescimento individual, quanto pessoal e profissional”, ressalta a pedagoga.
“Para quem procura um emprego, a qualificação [profissional] é necessária e os colégios com ensino profissionalizante oferecerem isso no Estado gratuitamente. Muitas vezes, temos carteiras desocupadas e muita gente precisando de qualificação. Não paga nada para estudar. Os cursos são no período noturno”, enfatiza Delma.
O Colégio Duque de Caxias está situado à Rua XV de Novembro, 810 – Centro. Mais informações pelo telefone (42) 3422-7879.